segunda-feira

O que ficou decidido após o Congresso de Milão?

Compartilhe essa notícia! | Data : segunda-feira, fevereiro 01, 2016 | Series :

Conheça oito definições votadas no Congresso de Milão.

Definição 1

Considerando em exceção de preferência de sinais do que de fala ao integrar o surdo-mudo à sociedade, e em dar-lhe um conhecimento melhor da língua,
Declara:
Que o método oral deve ser preferido do que a de língua de sinais para o ensino e na educação dos surdos-mudos.

160 votação a favor e 4 contra em 7/9/1880.

Definição 2

Considerando que o uso simultâneo da fala e de língua de sinais tem a desvantagem de prejudicar a fala, a leitura labial e a precisão das idéias,
Declara: 
Que o método oral puro deve ser preferido.

150 votação a favor e 16 contra em 9/9/1880.

Definição 3

Considerando que um grande número de surdos-mudos não estão recebendo os benefícios da educação, e que esta circunstância é devida à ineficácia das famílias e das instituições, 
Recomenda: que os governos tomem as medidas necessárias para que todos os surdos-mudos possam receber educação. 

Votação a favor unanimemente em 10/9/1880.

Definição 4

Considerando-se que o ensino ao surdo oralizado pelo Método Oral Puro deve se assemelhar tanto quanto possível ao ensino daqueles que ouvem e falam,
Declara:
a) Que o meio mais natural e mais eficaz através do qual o surdo oralizado pode adquirir o conhecimento da língua é o método “intuitivo”, o qual consiste em expressar-se primeiramente pela fala, e em seguida através da escrita, os objetos e os fatos que são colocados diante dos olhos dos alunos.
b) Que no período inicial, ou maternal, o surdo-mudo deve ser conduzido à observação de formas gramaticais por meio de exemplos e de exercícios práticos, e no segundo período ele deve receber auxílio para deduzir as regras gramaticais a partir dos exemplos, expressadas com o máximo de simplicidade e clareza.
c) Que os livros, escritos com palavras e em formas linguísticas familiares aos alunos, estejam sempre acessíveis.

Aprovado em 11/09/1880.

Definição 5

Considerando-se a carência de livros elementares o suficiente para auxiliar no desenvolvimento gradual e progressivo da língua,
Recomenda:
Que os professores do sistema oral devem se dedicar à publicação de obras especiais sobre o assunto.

Aprovado em 11/09/1880.

Definição 6

Considerando-se os resultados obtidos por meio de várias pesquisas realizadas a respeito de surdos-mudos de todas as idades e condições que haviam se evadido da escola há muito tempo, e que quando tinham de responder a perguntas sobre diversos assuntos, responderam corretamente, com clareza de articulação suficiente e conseguiram ler os lábios de seus interlocutores com grande facilidade,
Declara: 
a) Que os surdos-mudos ensinados pelo método oral puro não se esquecem, após ter deixado a escola, os conhecimentos que lá adquiriram, mas os desenvolvem continuamente através das conversação e da leitura, quando estas são facilitadas.
b) Que em sua conversação com pessoas ouvintes, os surdos-mudos fazem uso exclusivo da fala.
c) Que a fala e a leitura labial, muito longe de terem sido abandonadas, são desenvolvidas através de prática.

Aprovado em 11/09/1880..

Definição 7

Considerando-se que o ensino de surdos-mudos através da fala tem exigências peculiares; considerando-se também que a experiência dos professores de surdos-mudos é quase unânime,
Declara:
a) Que a idade mais favorável para admitir uma criança surda na escola é entre oito e dez anos.
b) Que o período letivo deve ter ao menos sete anos; mas preferencialmente oito anos.
c) Que nenhum professor pode ensinar um grupo de mais de dez crianças no método oral puro.

Aprovado em 11/09/1880.

Definição 8

Considerando-se que a aplicação do método oral puro nas instituições onde ele ainda não esta em pleno funcionamento, deve ser - para evitar um fracasso do contrário inevitável - prudente, gradual, progressiva.
Recomenda:
a) Que os alunos com ingresso recente nas escolas devem formar um grupo em si, onde o ensino poderia ser ministrado através da fala.
b) Que estes alunos devem absolutamente ser separados de outros alunos que tiveram defasagem no ensino através da fala, e cuja educação será finalizada através de sinais.
c) Que um novo grupo oralizado seja estabelecido todos os anos, e que todos os alunos antigos que foram ensinados por sinais terminem sua educação.

Aprovado em 11/09/1880.

Assista o vídeo.
video

Fonte: UFSC-LIBRAS

google+

linkedin